Até 30 de outubro estão abertas as inscrições para a próxima edição do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima, subordinado ao tema "Kaos no Jardim". Com base neste tema os candidatos são convidados a elaborar projetos arrojados, inovadores, servindo ao mesmo tempo como veiculo de alerta, promoção, educação e sensibilização para questões pertinentes e fundamentais numa sociedade que se pretende desenvolvida. Desde arquitetos, paisagistas, pintores, carpinteiros, administrativos, até às donas de casa, todos podem concorrer à 6ª edição do Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima.

Cada vez mais, o Festival Internacional de Jardins é apreciado pela sua criatividade, originalidade e exemplo de recuperação ambiental, como comprovam as inúmeras visitas técnicas, que têm aumentado significativamente, desde Arquitetos, Paisagistas, Engenheiros, Escolas e Formação Profissional, nomeadamente formandos dos cursos de Jardinagem e Espaços Verdes.

Sendo um ponto de visita obrigatório, o Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima, recebeu milhares de turistas vindos de diversos países, como a Itália, Nova Zelândia, América, Austria, Sérvia, República Checa, Espanha e França, etc.



  "Personalidade Nacional de Honra"

A "Personalidade Nacional de Honra" da presente edição do Festival de Jardins foi o Mestre João Cutileiro. O Escultor, é no atual panorama da escultura portuguesa, um caso de indiscutível modernidade e de heroísmo profissional, características que se enquadram no espírito do evento que apadrinhou. O Mestre Cutileiro, mostrou-se desde sempre encantado com esta iniciativa.

.. fiquei maravilhado com a iniciativa, com esta ação, e com as suas possíveis consequências, e muito honrado nesta forma embora passiva de participar em algo nobel na nossa relação com a nossa natureza e com a natureza que nos rodeia."

Esta maravilha é partilhada pelos vários visitantes que afluem ao evento, como se pode comprovar nos livros de opiniões. As mensagens de apoio e felicitações pela realização de tão nobre festival multiplicam-se nas páginas destes livros classificando o festival como

"... festival de jardins estupendo com alto nível de qualidade.."; "... natureza no seu esplendor.."; "... sobre um monte de pedras podem nascer e crescer flores.."; ".. excelente proposta turística.."; "... criatividade, gosto, qualidade, beleza, interessante..."; "..jardins de todas as cores e estilos, obrigada por esta viagem a um mundo cheio de imaginação.."

"Kaos no jardim" é o tema que se propõe para continuar neste mundo de criatividade...

Refios Terra Medieval

27 de Novembro 2009